Missão Missão

Promover o desenvolvimento económico sustentado, através da implementação de medidas de dinamização do tecido empresarial, da estimulação, da modernização, da promoção e reforço da competitividade e capacidade produtiva local, bem como da atração de novos investimentos dando visibilidade nacional e internacional ao concelho.

Eixos de atuação Eixos de atuação

  • Empreender – mobilizar e dinamizar o espírito empreendedor;
  • Qualificar – capacitar o tecido empresarial em áreas vitais para os negócios, focado no aumento da produtividade,
  • Globalizar – estimular a internacionalização das empresas e o aumento da visibilidade e notoriedade internacional da oferta de bens e serviços do território.

Projetos Projetos

O projeto UP CÁVADO EMPREENDEDORISMO é apoiado pelo NORTE 2020 e FEDER.


No âmbito do empreendedorismo, o UP Cávado disponibiliza uma estrutura de apoio aos empreendedores/investidores que facilita o acesso às ferramentas, conhecimentos e informações indispensáveis ao processo de empreender. O UP Cávado Empreendedorismo desenvolve várias ações focadas no Ecossistema empreendedor do Cávado, gerando dinâmicas empresariais que tornam mais atrativo o investimento na região.

Ligações úteis Ligações úteis

Marcações Marcações

Para efectuar uma marcação

Contacte-nos pelo 253 310 500 ou vilaverdeincentivamais@cm-vilaverde.pt

Os atendimentos realizam-se preferencialmente às quartas-feiras das 9h30 às 12h30.

As marcações efetuam-se de acordo com disponibilidade de agenda, podendo o horário ser ajustado às necessidades dos agentes económicos.

Para cancelar uma marcação

Caso pretenda cancelar uma marcação, solicitamos um telefonema ou envio de um email até dois dias antes da reunião.

Incentivos e Financiamentos Incentivos e Financiamentos

Voltar

Linha ADN Start Up

Montante da Linha de Crédito : 10 M€

Objetivo: Apoiar a criação de empresas e o desenvolvimento de novos negócios, por empresas de pequena dimensão, na fase inicial do seu ciclo de vida através de financiamento bancário, com garantia mútua.

Beneficiários : Microempresas na fase inicial do seu ciclo de vida, sediadas em território nacional, que cumpram os seguintes requisitos:

  • Microempresas com 4 ou menos anos de existência;
  • Exerçam atividades enquadradas nas CAE elegíveis;
  • Não tenham incidentes não regularizados junto da banca, à data de emissão de contratação;
  • Ter a situação regularizada perante a administração fiscal e a segurança social;
  • Microempresas com Capital Próprio >= 15%;
  • No caso de a microempresa ainda não estar criada, a garantia apenas será emitida após constituição formal da empresa.

Prazo de Vigência : até 12 meses após a abertura. O prazo pode ser extensível por iguais períodos ao do prazo de vigência, salvo denúncia da SPGM por utilização total das verbas.

Montante Máximo Financiamento por Empresa: 50.000 €, podendo elevar-se para 100.000 . O valor pode elevar-se para 100.000 € caso as características da atividade da empresa demonstrem a necessidade de aquisição de equipamento produtivo ou sistema produtivo integrado que apresente um valor de aquisição e instalação >= 150.000 €.

Prazo das Operações: Até 8 anos
Período de Carência: Até 24 meses
Amortização de Capital: Prestações constantes, iguais, mensais, trimestrais, semestrais ou anuais, e postecipadas.
Garantia Mútua: 75% do valor do capital em dívida em cada momento do tempo.
Operações Elegíveis: Operações de financiamento bancário.
Comissão de Garantia, Juros e Comissões de Serviços: Integralmente suportados pela empresa.
Spread Máximo: 3,75%
Regime legal de auxílios: Regime comunitário de auxílios de minimis ou Regime Geral de Isenção por Categorias (RGIC).
Entidades Financiadoras: IAPMEI - Agência para a Competitividade e Inovação, IP e Turismo de Portugal, IP

Bancos Protocolados

  • Banco Atlântico Europa, S.A.
  • Banco BPI, S.A.
  • Banco Comercial Português, S.A.
  • Banco Santander Totta, S.A.
  • Bankinter, S.A. – Sucursal em Portugal
  • Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Leiria, CRL
  • Caixa Central de Crédito Agrícola Mútuo, CRL
  • Caixa Geral de Depósitos, S.A.
  • EuroBic, S.A.
  • Novo Banco, S.A.
  • Novo Banco dos Açores, S.A.

Para mais informações consulte o Documento de Divulgação


Galeria Galeria

Acolhimento de iniciativa empresarial brasileira   Acolhimento de iniciativa empresarial brasileira      

Acolhimento de iniciativa empresarial brasileira que pretende instalar unidade industrial no concelho.

Apoio no enquadramento legal e no desenvolvimento do modelo de negócio, com visitas a algumas empresas do tecido empresarial local.

Atividades Atividades

Worshop - Empreendedorismo, das ideias à ação

No dia 31 de outubro, decorreu no município de Vila Verde o workshop - Empreendedorismo, das ideia à ação, no qual estiveram presentes cerca de 150 alunos dos cursos profissionais da Escola Secundária de Vila Verde e da Escola Profissional Amar Terra Verde.

Num ambiente descontraído, os alunos puderam assistir a um diálogo franco e interessante entre empreendedores de sucesso, de diferentes setores de atividade, instalados no concelho que, para lá dos soundbites, partilharam as suas experiências.

Worshop - Empreendedorismo, das ideias à ação  Worshop - Empreendedorismo, das ideias à ação 

Worshop - Empreendedorismo, das ideias à ação  Worshop - Empreendedorismo, das ideias à ação

Worshop - Empreendedorismo, das ideias à ação  Worshop - Empreendedorismo, das ideias à ação

Worshop - Empreendedorismo, das ideias à ação

 

O Workshop gera aprendizagem, curiosidade e inspiração junto dos estudantes.

Primeira abordagem de potencial empreendedorismo com um dos jovens participantes.

Espaço do Vila Verde Incentiva +

 

O espaço do Vila Verde Incentiva + ao seu dispor no edifício da Câmara Municipal.

  Espaço do Vila Verde Incentiva +  Espaço do Vila Verde Incentiva +  Espaço do Vila Verde Incentiva +