Pular para o conteúdo

    

Notícias Notícias

Voltar

GALA NAMORAR PORTUGAL 2020 - ‘Ao teu lado’ é o nome do coordenado vencedor, da autoria de Cátia Rascão, de Leiria

A noite de namorados mais romântica do país foi em Vila Verde, onde o amor acontece!

Centenas de casais apaixonados palmilharam a passadeira vermelha que dava entrada para uma noite mágica. Da decoração ao jantar romântico, passando pelos espetáculos de música ao vivo, espetáculo multimédia e desfile de moda, estava tudo preparado para um verdadeiro hino ao amor. Ana Rita Clara, Isabela Valadeiro, Joana Freitas, Isaac Alfaiate, Olavo Bilac e Gabriela Couto foram as estrelas nacionais da moda, música e televisão que ajudaram a abrilhantar a Gala Namorar Portugal 2020, que contou também com a participação do Grupo Folclórico e da Academia de Música de Vila Verde. A iniciativa rainha da vasta e apaixonante programação 'Fevereiro, Mês do Romance' decorreu ontem, 14 de fevereiro, organizada pelo Município de Vila Verde com o apoio da Aliança Artesanal. O ponto mais alto da noite foi o XVII Concurso Internacional de Criadores de Moda, em que o primeiro prémio foi para Leiria. ‘Ao teu lado’ é o nome do coordenado vencedor, da autoria de Cátia Rascão, inspirado nos motivos dos Lenços de Namorados e num clássico dos anos 50: saia midi, blusa de bainha aberta e sapatilhas.

Os aperitivos chegaram ao som dos acordes afinados da Academia de Música de Vila Verde, que contou com a voz da artista jazz Gabriela Couto. Um registo intimista carregado de sentimento e emoção para começar em beleza a gala mais romântica do país. De seguida, subiu ao palco o Grupo Folclórico de Vila Verde. ‘Bordar com Amor’ foi o nome da performance que levou o público numa viagem à (re)descoberta da herança cultural vilaverdense, com enfoque no pano de linho branco, onde as mulheres minhotas em idade ‘casadoira’ bordavam com linhas coloridas os sentimentos que lhes inundavam o peito, apresentando-o como prova de amor e pedido de namoro. Assim nasceram os famosos Lenços de Namorados que atravessaram os séculos e se apresentam na modernidade como um ícone identitário da região e do país.

 

Estrelas nacionais em Vila Verde

Tempo ainda para um eletrizante espetáculo multimédia, antes do desfile dos 71 coordenados (vindos de vários pontos do país e alguns do estrangeiro) que integraram o XVII Concurso Internacional de Criadores de Moda. A apresentação ficou a cargo de uma cara sobejamente conhecida no panorama nacional da televisão. Com uma presença elegante e uma simpatia contagiante, Ana Rita Clara não deixou créditos por mãos alheias e mostrou sob as luzes dos holofotes os predicados de uma comunicadora nata. Na passerelle, os vencedores do Casting Namorar Portugal desfilaram ao lado de estrelas como Isabela Valadeiro, Joana Freitas e Isaac Alfaiate, uma constelação que ajudou a abrilhantar a noite.

Depois, o público ficou a conhecer as propostas dos estilistas consagrados, profissionais de renome nacional e internacional. Nuno Gama, Katty Xiomara, Anabela Baldaque, Natália Mil-Homens Pereira, Rafael Freitas e Luís Carvalho apresentaram propostas modernas e arrojadas inspiradas nos motivos dos Lenços de Namorados, numa ligação sublime entre tradição e modernidade. Enquanto o júri desempenhava a ingrata tarefa de escolher as melhores propostas entre dezenas de coordenados deslumbrantes, Olavo Bilac pôs a sala a cantar. Com uma energia ímpar e a boa-disposição que lhe é característica, o antigo vocalista dos Resistência e Santos e Pecadores trouxe a sua voz rouca a Vila Verde para um espetáculo musical que ajudou a animar ainda mais a noite.

 

Bordado em ponto cruz no primeiro prémio

Entretanto, chegou a hora de conhecer os grandes vencedores da noite. Cátia Rascão impressionou o júri e conquistou o lugar mais alto do pódio, bem como um cheque de mil euros, reinventando um clássico dos anos 50: saia midi, blusa de bainha aberta e sapatilhas. Todos os elementos incorporam o ponto cruz, os desenhos e os versos dos famosos Lenços de Namorados, que remontam ao século XVIII. “Sinto-me bem, tranquila e muito feliz. É muito bom ver o trabalho reconhecido”, afirmou a criadora de Leiria, sem esconder que foi uma proposta muito trabalhosa e que envolveu até alguma aprendizagem. “Sim, fui eu que fiz tudo, da confeção das peças aos bordados à mão em ponto cruz”, revelou. ‘Ao teu lado’ foi o nome escolhido para um coordenado com um “look muito feminino” em tons de branco e vermelho, que irradiava amor e romance.

 

ESVV: Amor e sustentabilidade sob a forma de uma proposta de moda

O segundo prémio foi entregue à Escola Secundária de Vila Verde, que provou o enorme valor da ‘prata da casa’. Um vestido verde com bordado em tom dourado, com echarpe e sapatos a condizer. O estabelecimento de ensino foi representado pela professora Cláudia Gomes, responsável pelo Clube de Arte, que desenhou o coordenado, e pelo diretor, João Graça, que elaborou o conceito: amor e sustentabilidade. Além de aliar tradição e moda de forma harmoniosa, a proposta incorporou os cinco erres do meio ambiente (repensar, reduzir, recusar, reutilizar e reciclar) procurando transmitir uma mensagem de sensibilização ambiental. João Graça sublinhou a “vontade da escola estar associada o ícone identitário do nosso concelho, os Lenços de Namorados, aliando-o ao conceito da sustentabilidade ambiental”.

 

São defensores claros da nossa tradição”

O presidente do Município de Vila Verde, António Vilela, não escondeu a satisfação com o sucesso de um evento que continua a fazer de Vila Verde um local de eleição para celebrar “o dia do amor, o 14 de fevereiro”. O edil agradeceu aos cerca de 70 parceiros que “espalham a marca Namorar Portugal pelo país e pelo mundo”; às bordadeiras da Aliança Artesanal “porque sem o trabalho delas não teríamos o ‘Mês do Romance’, nem um Dia dos Namorados com a força que tem hoje”; à plateia pela adesão em massa; aos patrocinadores pelo apoio e aos estilistas convidados por um trabalho “muito voluntarioso e de grande qualidade”. “Vimos a alegria com que pisam o palco, são defensores claros da nossa tradição. Fazem produtos únicos, alguns até confecionados no tear, que é uma coisa única, e estão de parabéns por contribuírem para a defesa do nosso património cultural”, afirmou, acrescentando que o evento é também uma montra de talento. Recordou o caso da manequim Bruna Silva, participante numa edição anterior do Casting Namorar Portugal, que representou Portugal numa competição à escala mundial.

 

Uma noite mágica e muito glamourosa”

A vereadora da Cultura do Município de Vila Verde, Júlia Fernandes, também sublinhou a importância do trabalho desenvolvido na Aliança Artesanal, de preservação e valorização de uma tradição que é também um símbolo de emancipação feminina. Em pelo século XVIII, eram as mulheres que davam o primeiro passo e declaravam o seu amor. Júlia Fernandes manifestou o seu contentamento por “uma noite mágica e muito glamourosa que se revelou também uma mostra de talentos”. “O ponto alto da noite foi o Concurso Internacional de Criadores de Moda, com propostas de grande qualidade e muitas escolas envolvidas. Correspondeu às expectativas, foram premiados coordenados belíssimos”, afirmou. Destaque também para ‘Fevereiro, Mês do Romance’, uma programação muito densa e intensa. “É assim que se vai consolidando uma marca e afirmando Vila Verde enquanto terra onde o amor acontece e dos Lenços de Namorados. Com estes eventos criamos notoriedade para o concelho e para o território”, concluiu.

 

Lista de Premiados

1º Prémio: Cátia Rascão

2º Prémio: Escola Secundária de Vila Verde

3º Prémio: Paula Neves (Atelier Horas a Fio)

Prémio do Público: Maria Conceição Silva

Prémio Jovem Revelação: Oriana Valentina Quinteiro (Escola Secundária Marques de Castilho – Agrupamento de Escolas de Águeda)

Prémio Nortempresa: Fernando Rei

Prémio Impacto Visual: Orlando Ventura

Prémio Delta: Mariana Martins (CEARTE)

Prémio BMCar: Sérgio Sá

Prémio Best Fit: Ana Sousa, Diana Ferreira, Diogo Ferreira, Carlos Carvalho e José Ferreira (Escola Profissional de Felgueiras)

Município de Vila Verde, 15.2.2020

 

GALERIA  FOTOGRÁFICA


                     Vila Verde Incentiva +

Presidência Presidência

COVID-19 - “NUNCA COMO AGORA PRECISAMOS DE SI” - Mensagem do Presidente da Câmara Municipal de Vila Verde

«Caros(as) amigos(as) Vilaverdenses, Durante esta semana surgiram os primeiros casos positivos de COVID-19 no nosso concelho. A parte inicial desta minha mensagem não podia deixar de ser para transmitir a minha solidariedade e força para com os Vilaverdenses e famílias que estão a sentir...
 Facebook  Flickr  Issuu  YouTube  Instagram  Newsletter - Juntos Fazemos Vila Verde

Documentos recentes Documentos recentes

FICHA TÉCNICA

Conceção geral, design gráfico e execução técnica
Unidade de Inovação e Conhecimento, Unidade de Sistemas de Informação

Edição e manutenção
Serviços do Município de Vila Verde

 Agradece-se a comunicação de qualquer anomalia técnica ou outro tipo de dificuldade relacionada com a utilização do site. Para o efeito, envie email para helpdesk@cm-vilaverde.pt.
Este projeto foi cofinanciado pelo projeto Cávado Digital MAIS (POVT)

PROTEÇÃO DE DADOS

Apenas deve fornecer os dados pessoais necessários para a prestação do serviço solicitado, nomeadamente para ser capaz de aceder a qualquer um dos serviços no sítio que possuam gestão de processos especificos dependentes do utilizador.
Estes dados serão incorporados nos arquivos correspondentes no Município de Vila Verde e serão tratados em conformidade com o regulamento estabelecido por lei.
Os dados recolhidos apenas serão objeto de transferência, sempre que apropriado, com o consentimento da pessoa em questão ou em conformidade com a referida legislação de protecção de dados.
As pessoas cujos dados pessoais, contidos nos ficheiros do Município de Vila Verde, podem exercer os seus direitos de acesso, rectificação, cancelamento e oposição, na forma prevista pela lei, antes do envio para o arquivo .
Consulte Política de Privacidade do Município.

AVISO LEGAL

O Município de Vila Verde, através de seu portal na Web fornece informações de interesse geral do concelho de Vila Verde, em especial, a informação e os esforços da organização municipal. A informação fornecida é atual no momento da sua publicação.
O Município de Vila Verde pretende que esta informação seja exata e precisa e procede à sua atualização com a maior frequência possível, tentando evitar erros e corrigi-los, assim que os deteta. No entanto, o Município de Vila Verde não pode garantir a ausência de erros ou que o conteúdo da informação seja permanentemente atualizado.
O Município de Vila Verde pode levar a cabo a qualquer momento e sem aviso prévio, modificações, supressões ou alterações das informações publicadas ou ser capaz de alterar a configuração ou a apresentação.
O acesso ao portal da Web, bem como a utilização das informações que ele contém, são da exclusiva responsabilidade do utilizador. O Município de Vila Verde não é responsável por quaisquer danos que possam decorrer destes factos, nem pode garantir que o acesso não seja interrompido, ou que o conteúdo ou software acedido esteja livre de erros ou causa de dano.
As informações prestadas em resposta a qualquer pergunta ou pedido de informação são meramente indicativas e em nenhum caso será vinculativa para a resolução de procedimentos administrativos, que são estritamente sujeitos às normas legais ou regulamentares que sejam aplicáveis.
Os conteúdos publicados incluem links para páginas de terceiros, web sites, principalmente de outras entidades públicas, que são considerados como podendo ser de interesse para os utilizadores do Portal. O Município de Vila Verde não assume qualquer responsabilidade derivada das ligações ou do conteúdo desses links.