Missão Missão

Promover o conhecimento, a criatividade e a inovação, criando condições de igualdade no acesso às tecnologias digitais. A Casa do Conhecimento tem como objetivo primordial a inclusão digital das populações na Sociedade da Informação e o reforço das suas competências e qualificações, num espaço de criatividade e inovação para o desenvolvimento e experimentação de tecnologia.

Eixos de programação Eixos de programação

Tecnologias Inclusivas

A Casa do Conhecimento permite o acesso às tecnologias da informação no contexto da Sociedade da Informação numa lógica inclusiva, disponibilizando um conjunto de serviços que possibilitam o acesso a tecnologias aplicadas em contextos do quotidiano, contribuindo desta forma para fomentar a inclusão digital e social.

Tecnologias Educativas

O Município de Vila Verde pertence à Associação Internacional das Cidades Educadoras, uma iniciativa que vai ao encontro de um conceito de educação amplo e plural, que abarca contextos de educação formal e não-formal. Neste sentido, a Casa do Conhecimento representa um contributo relevante para a implementação de uma cidade educadora ao constituir-se como uma infraestrutura urbana de cariz tecnológico para a conectividade digital, disponibilizando um centro de recursos partilhado para a comunidade escolar, na área das tecnologias educativas.

Tecnologias Criativas

A Casa do Conhecimento é um espaço aberto às tecnologias criativas, que na sua amplitude, permitem desenvolver processos de aprendizagem e criatividade, passando por etapas de experimentação, exploração e reflexão.

Espaços Espaços

Teatro Virtual 

Auditório multimédia dotado de um sistema de projeção estereoscópica (3D).

Sala das Tecnologias Criativas

Área de exposição destinada às tecnologias criativas, onde poderão estar, em modalidade temporária, módulos de robótica, eletrónica, realidade aumentada, impressão 3D.

Exposição Interativa Área de exposição onde se pode interagir com módulos interativos.

Sala Imersiva

Espaço constituído por um sistema audiovisual, proporcionando um ambiente imersivo.
Salas de Formação/Polivalente 
Duas salas versáteis, equipadas com sistemas de projeção multimédia e quadros interativos para formação, de instalação de laboratórios temáticos, exposições, workshops.

 

 

 

 

 

Notícias Notícias

Voltar

Workshop "Rios - Um Segundo Olhar" e a importância da Limpeza dos Rios foram temas abordados na Casa do Conhecimento

“Rios – Um Segundo Olhar”, foi o tema do workshop promovido, dia 16 de março, pela Casa do Conhecimento, inserido na Programação Março, Mês do Ambiente. A atividade iniciou com uma Ação de Sensibilização sobre a importância da limpeza dos rios, seguida de um Workshop de Edição de Imagem que pretende transformar imagens de cursos de água poluídos, em cursos de água não poluídos.

O workshop realizado na Sala de Formação, foi dirigido a uma turma de alunos da EB de Vila Verde e teve num primeiro momento a apresentação do Projeto Rios, pelo Eng. Adelino Silva e pela Dra. Lúcia Pereira. Este projeto visa a participação social na conservação dos espaços fluviais, procurando acompanhar os objetivos apresentados na Década da Educação das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável e contribuir para a implementação da Carta da Terra e da diretiva Quadro da Água. A referida apresentação consistiu numa Ação de Sensibilização para o género de poluição a que os rios estão sujeitos, alertando para as consequências dessa poluição e para necessidade urgente de os preservar. Os rios têm sido inapropriadamente alvo de depósito de lixo, entulho, pneus, resíduos sólidos urbanos e descargas residuais, sendo premente uma mudança de atitude. A água é um recurso natural essencial à vida e por isso deve ser preservada.

Num segundo momento, o Eng. Adelino Silva apresentou aos alunos o GIMP – Gnu Image Manipulation Program - um programa de edição de imagem open source que possui diversas ferramentas de edição gráfica. Com este programa foi trabalhado um conjunto de fotografias de cursos de água poluídos, cujo objetivo foi transformá-las em cursos de água não poluídos, podendo designar-se como uma “limpeza virtual”. Tendo esta tarefa possibilitado um exercício de fluência digital.

O workshop Rios – Um Segundo Olhar proporcionou ao grupo a possibilidade de perceber a importância da preservação dos cursos de água, bem como o acesso às tecnologias digitais. 

   16 de março de 2017